31.5.18

Herbicidas na Figueira da Foz - Carta à Câmara Municipal da Figueira da Foz

CARTA enviada à Câmara Municipal da Figueira da Foz
O problema dos herbicidas (glifosato) e seu uso no espaço público.

1. Os avisos são colocados em locais de pouca visibilidade e não apresentam informação específica quanto aos riscos e perigos.

2. Há vários estudos - ver referência abaixo - que indicam que o controlo de infestantes com aplicação de herbicida de síntese à base de glifosato pode  provocar alterações nefastas na saúde. 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera que  "o glifosato é um herbicida genotóxico (com efeitos negativos para o ADN) e “provavelmente” carcinogénico"
(ver mais aqui https://www.publico.pt/2017/11/27/ciencia/perguntaserespostas/o-que-e-o-herbicida-1794123
Contudo, a Câmara Municipal da Figueira da Foz contínua a usar glifosato, apesar dos evidentes riscos para a nossa saúde.

3. Houve aplicação de herbicidas junto a Escolas, algo que é desaconselhado e proibido pelo Decreto-Lei n.º 35/2017

4. Existem várias alternativas à aplicação de herbicidas, em uso há décadas no resto da Europa.
Deixo sugestões para consulta:
http://www.quercus.pt/campanhas/campanhas/autarquias-sem-glifosato/3947-mapa-de-autarquias-sem-herbicidas
http://www.localidades-sem-pesticidas.info/
http://www.pan-uk.org/pesticide-free/

5. A Câmara da Figueira, e o seu setor do ambiente, deveriam abraçar o desafio : contribuir para um território mais limpo e saudável, abandonando o uso de glifosato.
Ao usar herbicidas convencionais persistem em práticas já abandonadas em concelhos com mais consciência ambiental - ver mapa abaixo.

Solicita-se à Câmara Municipal da Figueira da Foz que abandone o uso de herbicidas com glifosato, em todo o concelho.

Cumprimentos,
João Vaz




Às 18:17 de 16/05/2018, Valter Rainho escreveu:

Sem comentários:

Enviar um comentário