13.5.10

Ausência - São Tomé e Príncipe

O país visto daqui, pelos olhos da RTP África, parece surreal. O Benfica, o Benfica,..olé, olé, o Papa, o Papa, olé , olé....uma vergonha o musicólogo contínuo que os contribuintes portugueses pagam com os seus impostos. Que diferença para a TV5 Monde Afrique !

A montra do Instituto de Camões em São Tomé mostra que uma parte do país não se leva a sério. Livros descoloridos, montras vazias, jornais datados (oferecidos por um leitor), um horário de funcionamento impróprio , enfim , uma pálida imagem da cultura do país.

Por falta de velocidade da internet os posts estarão suspensos até 22 de Maio.

Sem comentários:

Enviar um comentário