3.7.11

Sandra Felgueiras - um exemplo do mau jornalismo português

A RTP enviou para a Grécia a jornalista Sandra Felgueiras. Em tempo de crise, e necessidade de poupar, a RTP gasta milhares de euros para que uma jornalista possa debitar uma série de disparates. Alguns bem descritos aqui

A jornalista Sandra Felgueiras no dia 03 de Julho, na Antena1, cometeu vários erros factuais e avançou com uma teoria da conspiração relativamente à situação na Grécia.
Em primeiro lugar a jornalista F. Felgueiras afirma taxativamente que o preço do gasóleo na Grécia é o mais elevado da Europa. Não é. Consultando o site Energy Europe verifica-se que o gasóleo na Grécia é o quarto mais caro atrás do RU, Suécia e Dinamarca.

A jornalista afirma que o custo de vida na Grécia é três vezes mais caro que em Portugal e para isso dá um único exemplo: o preço de um quilo de arroz ! - revelando uma enorme falta de profissionalismo e fazendo a caricatura do jornalismo.

Por último a jornalista anuncia ao mundo que há na Grécia uma conspiração por parte da polícia grega que contrata jovens arruaceiros de forma a gerar a desordem. Ou seja, os vários polícias gregos feridos que vemos na televisão são atacados por "colegas" que arremessam pedras e cocktails Molotov. A fonte da jornalista é pouco clara, são rumores, polícias vistos a levar manifestantes em tom amistoso para dentro do Parlamento grego . Esta seria a "smoking gun" de Sandra Felgueiras para explicar o envolvimento da polícia grega na confusão gerada !

Sem comentários:

Enviar um comentário