Mensagens

A mostrar mensagens de fevereiro, 2008

Paisagem Triste

Imagem
Alguns dos meus vizinhos não gostam de árvores, arbustos nem de animais. Ao fim de dezenas de anos de existência a vegetação que cobra a propriedade foi declarada inimiga ! No ano de 2005, em 10 minutos, cortaram as árvores, com a ajuda de uma motoserra. Puseram a nu um barraco e o lixo que têm no quintal. Agora acabaram com os arbustos...e ficaram com a propriedade a descoberto. O cão continua amarrado à oliveira. Tem uma corrente de 2 metros, está cheio de pulgas e... tempo para sofrer. Fico triste com gente assim, o que os leva a destruir em minutos o que leva anos a crescer ? Porque os incomoda tanto o que é natural ? Preferem ver o prédio de betão da frente ? Será a vitória da fealdade e do caos ? A entropia em acção ? Parafraseando Pedro Nuno Santos do blog Sombra Verde: "Há gente assim, que encontra algum conforto para a tristeza e o vazio das suas vidas, destruindo e mutilando o que é vivo e inofensivo. Será que por provocar tristeza nos outros nos sentimos menos tristes?

Estrada Limpa

Imagem
Estrada limpa em Montemor, sem cartazes pendurados nas árvores, com o lixo recolhido...bons ares, árvores vivas...e pouco podadas.

Árvores e Postes

Imagem

Praia de Lavos

Imagem

A Importância da REN e da RAN

Entrevista do Arq. Ribeiro Telles ao jornalista Pedro Vieira de Almeida publicada no blog Estrago da Nação. P – Em que aspectos, em concreto, a REN tem sido essencial? R – Tanto a REN como a RAN, que estão interligadas, e pese embora tenham sido mal interpretadas e também mal aplicadas – é uma velha história – têm sido fundamentais para termos até hoje um mínimo de paisagem rural e agrícola, de preservação do litoral e de protecção de zonas sensíveis. P – E então as críticas, sobretudo de autarcas, devem-se a quê? R – De certo modo, a REN contrariou a especulação, a transferência do uso do solo, do solo rural, para zonas urbanas e industriais. Funcionou como um travão, um obstáculo àquilo que se julgava ser o desenvolvimento. "..." P – Acusa-se o regime da REN de ser demasiado fundamentalista, de proibir tudo e mais alguma coisa. Apresenta-se, por regra, do pobre agricultor que não pode fazer uma casa de banho por causa da REN... R – Isso é uma falácia que determinada

Lugares Nobres

Imagem
A margem sul continua a não merecer a devida atenção. Desleixo, acumulação de lixo e falta de limpeza, maus acessos....tudo a monte logo ali no Cabedelo. Continuamos a desaproveitar o excelente capital natural que temos no concelho da Figueira.

Água da torneira - Política de Esquerda

Município de Londres recomenda população a trocar água mineral por de torneira O mayor de Londres, Ken Livingstone, lançou na quarta-feira (20 Fev) uma campanha destinada a promover o consumo de água de torneira frente à engarrafada em restaurantes, cafés e outros estabelecimentos. "..." "Bebendo menos água engarrafada, reduziremos as emissões de gases procedentes da produção e do transporte, e contribuiremos para resolver o problema do que fazer com as garrafas usadas", afirmou. Segundo um estudo, um copo de água de torneira em Londres "gera" o equivalente a 0,3 grama de CO2, enquanto um copo de água mineral das marcas Volvic ou Evian "liberta" 185 gramas de gás carbónico na atmosfera. ".." David Owen, executivo-chefe da empresa Thames Water, responsável pelo fornecimento de água potável à capital britânica, afirmou que "Londres tem provavelmente a melhor água de torneira do mundo". O director-executivo da ONG Friends of the

O que nos resta - Quinta do Viso

Imagem
A ganância imobiliária associada a um poder político permissivo, e last but not the least com uma sociedade civil passiva permitiu-se a destruição do património natural da Figueira. Assistimos ao anquilar do Natural, à destruição completa das manchas verdes, à falta de harmonia e sensibilidade. Venceu o feio, a baixa qualidade paisagística e o "atalho". Restam-nos alguns metros quadrados semi-selvagens, a Quinta do Viso é um exemplo. Está no entanto ameaçada por interesses...imobiliários.

A Construção Civil e Uma Cidade à Beira-Mar

Imagem
Anos e anos de construção....tanta gente que vai enriquecendo à custa de decisões em prejuízo da comunidade. Os poucos pinheiros "selvagens" dão lugar a prédios, mesmo em encostas escarpadas ! Quem é responsável ? Quem aprova tudo isto ? Quem é o Presidente ? Quem manda na cidade ?

Colóquio "Ordenamento do Território " - Dia 29.02 na Assembleia Figueirense

Imagem
Buarcos, 2005 O Ordenamento do Território vai ser discutido por iniciativa do PS local. Ainda bem. Para que a memória não seja curta, mostramos aqui parte do legado em matéria de ordenamento urbano. Prédios incaracterísticos, paisagem betonizada, zonas verdes devastadas, muito edificado sem estética ...anos e anos de "favores", deixa andar e muita incompetência técnica, e falta de ética, por parte de quem assina e autoriza os projectos de arquitectura ! Tenho vergonha por não me ter oposto mais a tanta barbariedade.

Artes

Imagem

Quem ganha com as CulturasTransgénicas

Quando a indústria divulga o relatório anual mundial apresenta-se aqui o texto de Prof. Margarida Silva da Universidade Católica do Porto. QUEM GANHA COM AS CULTURAS TRANSGÉNICAS? O cultivo de transgénicos a nível mundial está a conduzir a um aumento massivo do consumo de pesticidas* e só as empresas que os vendem podem lucrar com tal situação. Isto mesmo foi verificado num estudo agora disponível (1) que desmonta a realidade cor de rosa apresentada hoje em Bruxelas pelo ISAAA, uma organização que representa os interesses globais da indústria da engenharia genética. De facto,* até a indústria começa a reconhecer que o consumo de pesticidas está a aumentar*. Em entrevista (2), uma representante da EuropaBio (associação europeia de bioindústrias) afirmou que se têm vindo a verificar "aplicações muito maiores de Roundup [herbicida], junto com uma série de outros químicos." Os números do próprio governo americano mostram que, entre 1994 e 2005, o consumo de glifosato (o princ

Vantagens da Reciclagem

HIGH RECYCLING RATES ARE POSSIBLE Belgium and Austria are already recycling more than 50% of their municipal waste, while a number of member states still recycle less than 10%. This shows the need to set high EU-wide recycling targets, so that the poor performers catch up. JOBS Recycling creates jobs. Recycling 10 000 tonnes of waste creates up to 250 jobs compared with 20 to 40 jobs needed if the waste is incinerated and about 10 for landfill.

Ajuda aos Países em Desenvolvimento

Imagem
Ajudar verdadeiramente os países em vias de desenvolvimento implica dar-lhes tecnologia que eles possam utilizar. A Lotaria Nacional e uma ONG holandesa a "Stichting Vluchteling" ofereceu fornos solares a camponeses do Nepal. Uma boa ideia ! Não há intermediários no processo, substituem-se combustíveis escassos (lenha) e poluentes (querosene) por uma fonte inesgotável de energia (solar), a manutenção dos equipamentos é quase nula e a fiabilidade dos mesmos elevada. Isto assim, é ajuda ! Mais informação em "Dutch lottery helps refugees in Nepal combat global warming" UNCHR

Poluição dos Mares

Imagem
Foto: Praia de Buarcos, Janeiro de 2008 Autor: Nuno Gonçalves Como se pode ler nesta notícia do Público a poluição dos mares por acção do nosso lixo não pára de aumentar. Milhões de objectos flutuantes (maioritariamente plásticos) segundo a ONU, asfixiam, envenenam e retalham "mais de um milhão de aves marinhas e mais de cem mil mamíferos marinhos por ano." Não vemos nem sentimos directamente essa mortandade e perda de capital vivo. Por isso actuamos como se os Mares fossem um caixote do lixo.

Dias com Árvores (2)

Imagem
Figueira da Foz

Fraldas Descartáveis vs. Fraldas de Pano

Quando digo às pessoas que tenciono usar fraldas de algodão orgânico (sem pesticidas), especialmente aos pais de bébés e crianças pequenas, olham-me de lado, riem-se ...como quem diz , "Este é um utópico ! ". Já nem me dou ao trabalho de argumentar muito. Mas, e após muita pesquisa ainda não vi uma única vantagem ojectiva (saúde, ambiente) de se usarem fraldas descartáveis ...ou melhor, a única vantagem é o conforto e comodismo dos pais. Dizem-me, "Dá mais trabalho, não é prático...." Pois é. Claro que a contabilidade objectiva do tempo perdido (a ir ao supermercado, a comprar fraldas, o dinheiro gasto a mais, as vezes a mais que têm que ir pôr o lixo ao contentor...etc) não são contabilizadas. Poupam-se cerca de 1.000 euros por bébé se se optar por fraldas de pano (laváveis). O que sinceramente me choca é a falta de consciência dos pais neste âmbito. Os piores venenos são aqueles que não se sentem nem se vêm, mas que muitas vezes estão dentro de casa na nossa co

Presidenciais americanas e o rasto do petróleo

http://oilmoney.priceofoil.org/federalRaceGraph.php No link acima observa-se a campanha para as presidenciais americanas sob o ponto de vista do apoio a cada um dos candidatos. Quem apoia são pessoas ligadas a empresas petrolíferas, e não as empresas em si. Um óptimo exemplo de transparência e de boas práticas.

Dias com Árvores (1)

Imagem
Quinta de Santa Catarina

Salamandra

Imagem
A minha rua confina com um dos últimos pinhais selvagens da malha urbana da Figueira da Foz. A Quinta do Viso é por enquanto "uma ilha cheia de vida" rodeada por prédios feios e ruas desalinhadas. Há poucos dias encontrei num terreno devoluto a salamandra que se vê na fotografia. Fiquei espantado com a beleza do anfíbio, por pouco tempo visto que se refugiou entre as ervas assim que me aproximei muito. Neste Verão, neste mesmo terreno, vivia (ainda vive ? ou já foi atropelado ?) um ouriço cacheiro. Faço votos que estes nossos momentos de alegria e contacto com a biodiversidade não terminem às mãos de mais um empreendimento imobiliário. Este pinhal promove a vida, é a casa de muitos animais extraordinários ! Ficha da Salamandra-comum As salamandras-comuns são atraentes anfíbios, comuns nas zonas mais húmidas e frescas do nosso País. Muitas vezes associadas a velhas crenças populares, são animais muito interessantes com algumas características peculiares e podem viver até aos

Os tigres da Azambuja

Imagem
Os pobres tigres deveriam ser deixados em paz. São animais, deviam estar na selva, e não ali aprisionados. Não são cães nem gatos. São tigres, comem pessoas se tiverem muita fome. Porque será que uma sociedade rica e moderna do séc. XXI continua a desrespeitar os animais de forma tão gratuita ? Revolta-me esta visão (fundamentalista) antropocêntrica do mundo.

Sábado à Tarde

Imagem

Quinta Biológica na Figueira

Finalmente a agricultura biológica ganha peso e notoriedade. A bem da nossa saúde e do ambiente. Transcrevo abaixo a notícia publicada no JN, da autoria de Paulo Dâmaso. Faço somente um reparo à seguinte passagem do artigo, e cito "além de produzir alimentos "mais saudáveis" . As aspas são injustificadas, os alimentos provenientes são mesmo muito mais saudáveis. Para nós humanos (incluindo os agricultores que são vítimas de exposição a a produtos altamente tóxicos - pesticidas) e para os animais. A indústria alimentar e os grandes produtores convencionais gastam milhões em propaganda para convencer o público que tudo é relativo , e tanto faz sem ou com resíduos de pesticidas. Cientistas comprovam maior valor nutritivo dos alimentos biológicos Investigadores da Universidade de Rutgers meteram mãos à obra no sentido de contestar a ideia de que “o biológico é melhor”. Tendo seleccionado alguns produtos adquiridos em supermercados e lojas de dietéticos, passaram a analisar